domingo, 24 de agosto de 2008

Labirinto



Quando te perdi meu mundo desmoronou.
me vi num labirinto cercado de medo por todos os lados
senti o pavor tomando conta do meu corpo.
Sentia ele me possuindo por completo
exalava pelo meus poros, uma sensação horrivel,
mas de uma ternura e beleza indescritivel

Cada vez que eu caminhava, os temores aumentavam,
via sua imagem refletida no clarão da luz cada vez mais distante.
Mesmo caminhando a passo largos não conseguia alcançar o fim do túnel.
Não havia bússola nenhuma que me indicasse a direção certa.

Tentava procurar uma saida para esta situação.
Achar a peça que falta nesse quebra-cabeça.
Estava com a cabeça quebrada de tanto bate-la contra a parede.

Sentia como se tivesse cavando um buraco sem fim.
Cavando a propria cova onde ia enterrar as lembranças
e tudo mais que me fizesse levar ao estado no qual me encontro agora.

Não queria terminar a vida dessa maneira, mas você quis assim...
Queria dormir abraçado a ti, sentir o calor do seu corpo aquecendo o meu.
Fazer nossos corpos se transformarem num só , numa perfeita comunhão.
Queria acordar ao seu lado vendo o sol nascer iluminando sua linda face e lhe dizer que o nosso amor utrapassa qualquer barreira.
Que ate no leito de morte, levarei nossas lembranças junto comigo!!

_______________________________________________________________


Bem pior que a morte
É deixar só o amor
Oh, minha amada
Na hora em que eu me for
Sozinho na treva
Oh, vem comigo
Oh, vem comigo
Lá onde existe a grande paz
O amor em paz
"Bem pior que a morte - Vinicius de Morais"

10 comentários:

Patricia Goís disse...

Aiiii desse jeito vc me faz chorar de emoçao..rs
lindo ficou otimo tudo de bom seu texto

queria eu achar um amor assim...

bjos fica com deus!

Vivi Floripi disse...

perca-se. encontre-se. mas não pare d seguir.
acho q esse é o segredo dos labirintos rodeados d saudades.
se a gente parar ele nos engole. e se a gente correr, tentando evitá-lo, a gente cansa...
é só seguir... com a mão esquerda encostada na parede ! sempre !!!
xD
bjos

Iza. disse...

ah meu bem, se perder em lembranças é tão inevitável e questinonável como pode ser.

tão bela sua descrição.

a questão não é se perder em lembrançar. é se encontrar na realidade.

o tumulo é muitooo longe.

Limbonauta disse...

Se quiser fugir, te empresto a bússola: ela te levaraá aos mais inóspitos locais, e te dará a mais leve das sensações.

Saber ser é tudo.

Bons Ventos.

Camilla Tebet disse...

QUe triste isso. MAs que a morte não é então um passo para o próximo amor. A morte de um pra o reomeço de outro. Só pode ser assim. Não podemos pensar de outra maneira.. caso contrário............................ outra morte.
Bjos procê

Assim que sou disse...

A finitude é algo que sempre me angustia. Então não penso nela; abstraio, completamente. Mas a dor não nos oferece espaço para angústica. Dói e pronto, não é? Também quero pensar que nem os demais comentários desse teu post. Acabou, doeu, chegou ao fim...Hora de reiniciar o caminho. E o bom é que a vida muitas vezes nos oferece essa possibilidade.

bjs. Veronica

Camilla Tebet disse...

Ps. deixei uma pergunta pra vcs no meu último post. Não costumo deixar esse tipo de mensagem, mas essa é só pra matar a curiosade. Se tive um tempinho, passa lá.

Juliana David disse...

Se deparar com a desilusão é difícil, aceitar que perdeu mais ainda. Mas trasformar tudo isso em arte é virtude para poucos. Uns preferem gritar, esmurrar o portão, acelerar a mil por hora e morrer. Tudo isso simplesmente por não conseguir suportar perder. Canalizar estes sentimentos em poesia é mágico, é prazeiroso, é uma maneira muito melhor de cicatrizar feridas abertas. Continue assim.

coletivobco disse...

não é facil encarar situações desse tipo (muitos chamam de "pé na bunda", eu prefiro desgraça mesmo), mas isso nos fortalece, quando se corta uma arvore, ela começa a se regenerar, aa ferida pode aé não acicatrizar como esperado, mas ela envolve a antiga ferida com uma casca nova...
segue adiante, faz melhor do que eu meuamigo...
Niaranjan

Polly . disse...

caraca
q texto perfeito
meu vc escreve d+

;******