domingo, 26 de julho de 2009

delirios cotidianos

apos um longo e torduoso fim de semestre, ele tira seu merecida tempo de ferias, depois de um periodo muito puxado com alguns professores nojentos , um professor bêbado (que fez ele rir como nunca), mas apesar de todos os contratempos e das materias perdidas, ele consegui passar para o proximo periodo, e assim mais perto de terminar o curso. Depois de alguns meses de desemprego e desespero,ele consegue um emprego, mas como sempre em uma empresa privada cheia de pesoas idiotas e como de costume pagam muito mau e se trabalha demais(melhor do que nada, mas ele deseja sair de la o mais rapido possivel) como era na outra empresa aonde trabalhava.

Com isso tudo ainda uma tia sua veio a falecer,(ela tinha diabetes) mas nao foi uma perda tão grande pra ele , pois ela com todos os outros irmaos dela viviam metendo o pau nele ,ele ficou mais preocupado com a mãe dele,pois elas eram bem proximas. a suamãe ficou bastante abalada....para ele não foi nada demais pois tem um coração de pedra.acredito que ele tenha fica do mais triste pelo fato do seu time ter perdido a final da do campeonato no mesmo dia da morte da sua tia do que coma morte da mesma. Mas, apesar da distancia entre os dois,ele acredita que ela esteja descançando em paz.. seja no céu ou no inferno!!

E o namoro dele nao anda as mil maravilhas naum e o faz perder mais ainda a sua paciência, pois tem que dividi- la com mil e umas atividades que ela faz, e quando reclama das coisa que ela faz(e deixa de fazer) ainda e crucificado por ser exigente e sempre sai como o vilão da historia... e o pior(seria tragico se nao fosse comico) com toda essa agenda lotada da sua namorada ele anda numa abstinencia sexual digna de um papa!!

Mas, Apesar dos pesares, ele pensou.. a vida não anda de toda ruim naum... pra quem ja teve na merda cheirar um peido não e uma das piores coisas que possam acontecer!!


Tudo é questão de despertar sua alma........

------------------------------------------------------------------------------------------------

há um pássaro azul no meu coração que quer sair
mas eu sou demasiado duro para ele,
e digo, fica aí dentro,
não vou deixar ninguém ver-te.
há um pássaro azul no meu coração
que quer sair
mas eu despejo whisky para cima dele
e inalo fumo de cigarros
e as putas e os empregados de bar
e os funcionários da mercearia
nunca saberão
que ele se encontra
lá dentro.
há um pássaro azul no meu coração
que quer sair
mas eu sou demasiado duro para ele,
e digo, fica escondido,
queres arruinar-me?
queres foder-me o
meu trabalho??
há um pássaro azul no meu coração
que quer sair
mas eu sou demasiado esperto,
só o deixo sair à noite
por vezes
quando todos estão a dormir.
digo-lhe, eu sei que estás aí,
por isso
não estejas triste.
depois,coloco-o de volta,
mas ele canta um pouco lá dentro,
não o deixei morrer de todo
e dormimos juntos
assim com o nosso pacto secreto
e é bom o suficiente
para fazer um homem chorar,
mas eu não choro,
e tu?

Charles Bukowski

5 comentários:

Iza disse...

ciclo vicioso necessário o seu hein...
mas é uma fase, logo vc estará ganhando uns 6 mil por mês quando passar num concurso, vai ter um carrão e uma casa excelente para abrigar sua mãe, sua namorada... ah! suas namoradas! serão dez mendigando seus beijinhos e abstinência sexual nunca mais...

eu só quero estar inclusa nas suas bebedeiras e desabafos ou delírios cotidianos!
vem embora pra cá de novo menino!
agente nunca esquece de vc!

um beijo

Camilla Tebet disse...

Cotidiano sim. Assim rola a vida. Emprego ruim, namorada ocupada.. mas o que importa é o que vc disse: a alma desperta.
Assim. assim vai a vida...

Ellen Fernandes disse...

è isso ae... pra quem ja ta na merda pouca diferença faz um peido...
sabe as vezes as coisas chegam a algum lugar....bem ou mau elas chegam...e assim vivemos

Juliana David disse...

A vida cotidiana nos deixa entendiados, desesperaçosos do amanhã muitas vezes. Mas só o fato de estar vivo, respirar já vale.

Voltei a escrever, dá uma passadinha no meu blog.

Beijos.

Iza disse...

vamos combinar que precisamos de uma dose dupla sem gelo de Israel neste blog?

oquei.
fechado.
vc entra com sua raridade e eu com meus comentários cretinos.

um beijo chuchu!