terça-feira, 20 de maio de 2008

I Want To Hold Your Hand

Levantou de ressaca pra ir trabalhar, ter de enfrentrar a luz do sol, logo ele que e mais acostumado com a noite. Segue caminhado pra mais um dia de trabalho, tendo que aguentar um monte de pessoas chatas e aborrecidas com suas vidinhas mediocres, bem mais medrioce que a sua propria vida.Assim passou-se mais um dia de serviço,e ele ira preparar-se pra sair a noite, procurando encontrar um pouco de diversao pra poder disfaçar um pouco a dor que ja faz moradia e quase lhe arranca a alma pra fora do corpo...

A noite como sempre sendo sua melhor companhia, apesar de nublada e fria, continua magica,acolhedora.Ao som do vento ele anda embalado, a procura de um pouco de loucura,de insanidade , de algo que possa lhe dar um pouco mais de animo! E quase sem querer, assim como quem nao quer nada, ele conhecera uma pessoa quase na mesma situaçao pela qual ele esta passando, e assim seguiram noite adentro, trocando confidencias, se aquecendo do frio que fizera naquela madrugada ,segurando sua mão, inesperadamente seus labios se encontram, nessa altura,as nuvens nao derramavam mais suas lagrimas, o céu não estava mais tão nublado como estava anteriormente,ate as estrelas brilhavam timidamente...

Porem, ja estava amanhecendo, eles tiveram de se separar e a maldita luz do dia acaba com a noite, se apoderando rapidamente dela, descendo uma rua de mão única,com uma única direção em mente, numa terra de ninguém ,a punição às vezes parece não se adequar ao crime!
Ele caminhara pela rua menos triste, menos infeliz, arrisco dizer que, por um instante ele sentira novamente um pouco do delicioso sabor da alegria que sua alma não sentia a um bom tempo!!

__________________________________________________________________

Palavras flutuam como uma chuva sem fim dentro de um copo de papel.
Elas se mexem selvagemente enquanto deslizam pelo universo.
Um monte de mágoas, um punhado de alegrias estão passando por minha mente....
Me possuindo e acariciando!!




4 comentários:

Iza. disse...

adorei o desenvolvimento todo. tudo muito legível, e dá até pra sentir a brisa do sereno.

porém...



a parte após a linha, ficou perfeitamente magoada.
belíssimo!!!

beeeeeeeeeijo

Niaranjan disse...

influências de Bukowski...
isso está ficando interessante

Niaranjan

Limbonauta disse...

Deixe ser possuído e acaricie de volta, oras!

Se jogue, meu irmão!

Bons Ventos.

Camila disse...

todas são lindas ñ tenho palavras p descrever tamanha serenidade...palavras belas!!!! continue assim ja sou sua fã rsrs bjusss