sexta-feira, 30 de maio de 2008

Criança!


desde criança tinha certa dificuldade de se relacionar com os outros,crescera sozinho,brincando com seu time de botao e seu videogame.Era tao sozinho que nao teve nem competencia de arrumar um amigo imaginario(que normalmente uma criança solitaria tem).Um tempinho depois, ja perto da pre adolescencia, ate que tinha seus amiguinhos, poucos, porem bons, mas mesmo assim ainda tinha dificuldade de se relacionar com eles, pois ele tinha um jeito todo peculiar de ser, mais reservado, menos serelepe, diferente dos seu coleguinhas, mesmo assim , aos poucos foi se desprendendo um pouco da sua timidez, devido a ha alguns anos anos de pouco convivio social, o fizeram ser uma criança introvertida, cheia de duvidas e curiosidades.Na sua adolescencia nao tinha aproveitado taopouco feito metade do que seus parceiros ja tinham feito devido a maltida timidez que ja o acompanhara desde a infancia, agora se tornaria um problema maior na sua cabeça. Apesar da dificuldade que ele tivera, aos poucos , e com muita dificuldade , ele foi perdendo a vergonha e o medo.para ele essa dificuldade de se deixar relacionar com as pessoas era devido a criaçao muito retrograda dos seus pais , que o deixavam trancafiado em casa enquanto as outras crianças se divertiam na rua, brincando , pulando rindo e se divertindo. se lembrando desse momento pueril, lagrimas caem dos seus olhos, umas de tristeza, por nao ter realmente aproveitado a infancia como gostaria, outra de alegria, pois lembra que apesar de ter tido uma infancia diferente, seus momentos de solidão e melancolia o fizeram ser uma pessoa mais centrada, introspectiva, analista, muitas vezes ate frio e calculista!!

ele olha para seu filho e pensa: "espero que ele nao tenha a mesma dificuldade de se relacionar como a que eu tive na minha epoca". ele o chama, lhe da um abraço forte e lhe diz: filho, aproveite essa fase da sua vida, pois infancia so se vive uma vez ...

8 comentários:

Iza. disse...

abraçando o clichê né???

rá!

a vida é muito simples! acredite. vc vai se foder 7 vezes por dia, vai estar doente ás vezes, vão quebrar seu coração, vc vai sentir que nada vai sentido, vai matar-se um pouco, vai rir dos outros, os outros vão rir de vc...
não importa o que aconteca, vc só têm 2 opções:
seguir erguido ou
seguir fodido.
escolha o que te faz melhor.

beijo!
sua dor é encantadora.

Camilla Tebet disse...

Primeira vez que venho aqui. Comecei a ler os post e adorei. Virei com mais frequencia para ler mais. Estou adicionando. E enquanto a infância durar, escreva, que depois tudo passa, não é?

Clarissa Marinho disse...

Obg pelas palavras de apoio! hehe
Pois é,a vida,mesmo que doa,é pra ser vivida intensamente!
=)

Sandrinha disse...

Cats in the cradle, with a silver spoon... My boy, it´s just like me.
(Ugly Kid Joe).

Acredite, estou numa fase que não ligo para o que foi. Ligo para o agora, para o que eu posso ser, como eu posso me mudar.

Não tenho estado ranzinza por uma semana, nem reclamado. Tenho visto o lado bom das coisas. E sabe que eu estou me divertindo?

Se cuida, sim? ^_^

Beijos grandes

Polly . disse...

uow
eu vi mto de mim neste texto
dificuldades cm seres humanos...
isso eh um cliche entre os.. como poderia chamar.. entre nos os SELETIVOS ;)
pense q somos seletivos ;)
belo blog
adorei
;** apareça sempre q puder
=)

Limbonauta disse...

ô... melancolia e saudosismo da infância...

Análises?

Freud, vc estah aki?

rsrs..

Bons Ventos.

Rutthiê. disse...

nada como o futuro para curar o passado"

sigaa em frentee..
beijuss

Patricia Silva disse...

Você é bem parecido comigo nos textos que escreve..claro tirando que você escreve bem gramaticalmente falando...rs
mas sentimento que é sentimento podemos entender so com o olhar ..

obrigada por ter comentado...
boa semana pra vc
bjos